Risca Faca: Foliões se divertem no maior bloco pré-carnavalesco de Belém

Com o tema “Esporte em ação: a saúde batendo um bolão”, o tradicional bloco pré-carnavalesco Risca Faca arrastou, de acordo com as informações da Polícia Militar, cerca de 5 mil foliões pelas ruas da cidade de Belém no final da tarde desta terça-feira, 6 de fevereiro.

Também conhecido como o bloco da saúde, por ter sido criado, em 2001, pela equipe da Unidade Básica de Saúde I, no Conjunto Manoel Matias, que tinha à frente o médico Adriano Pessoa, o Risca Faca levou, nesta edição, as cores da bandeira do Brasil por se tratar de um ano de Copa do Mundo de Futebol.

Além do bloco Risca Faca, outros blocos alternativos, formados por amigos e familiares, também se juntaram na folia de rua animada por trio elétrico, paredões e orquestra de frevo.

A prefeita Renata Christinne e secretários municipais estiveram participando do bloco Risca Faca que, além de proporcionar diversão aos moradores, tem como objetivo conscientizar a população sobre a importância de uma cultura de paz, propondo um novo significado, de não-violência, ao termo “risca faca”.